Pular para o conteúdo principal

Pessoa introspectiva tem cérebro maior, revela estudo

Algumas pessoas conhecem suas mentes melhor que outras, e a pesquisa descrita nesta semana é um passo para entender a biologia por trás de um aspecto importante da consciência humana.

Trata-se de um trabalho necessário para que, um dia, se possam compreender doenças ou ferimentos no cérebro que provam as pessoas de aspectos fundamentais da reflexão sobre si mesmas, como esquizofrênicos que não acreditam que estão doentes e, por isso, rejeitam medicação.

Ao descobrir as bases neurológicas da consciência de si mesmo "seremos capazes de criar estratégias para intervir nesses casos e melhorar a capacidade introspectiva das pessoas?", pergunta Stephen Fleming, do University College London, principal autor da pesquisa publicada na revista Science.

Introspecção é basicamente pensar sobre o que se está pensando, um modo de julgar os próprios pensamentos e ações - algo intrinsecamente difícil de estudar.

A pesquisa britânica encontrou um meio de medir a capacidade introspectiva ao comparar a confiança das pessoas numa decisão tomada com o acerto da decisão.

Os pesquisadores apresentaram a 32 pessoas saudáveis uma série de padrões numa tela de computador, dos quais um era mais brilhante que os outros, por alguns instantes. Primeiro, os voluntários tiveram de escolher rapidamente qual tela continha o padrão mais brilhante.

Como algumas pessoas são melhores observadores que outras, o nível de dificuldade foi ajustado para que todos tivessem o mesmo tipo de obstáculo.

Depois desse ajuste, os voluntários tiveram de dar uma nota para seu grau de confiança na resposta.

A ideia: pessoas com boa introspecção teriam mais confiança quanto estivessem certas, e mais dúvida quanto estivessem erradas.

Varreduras do cérebro mostraram que a capacidade introspectiva está fortemente ligada á quantidade de matéria cinzenta em uma parte do córtex pré-frontal, bem atrás dos olhos, dizem os pesquisadores.

Além disso, as pessoas mais introspectivas também mostraram uma função mais forte na matéria branca dessa parte do cérebro - a matéria branca são os "cabos telefônicos" que permitem a comunicação entre as células.

Reforçando as descobertas, estudos anteriores mostram uma associação entre esquizofrenia e mau funcionamento do córtex pré-frontal, e derrames nessa área podem roubar das pessoas a capacidade introspectiva, disse Fleming.

Mas mais pesquisas são necessárias para resolvera questão de o que veio antes: são essas diferenças cerebrais inatas? Ou refletem um fortalecimento da região cerebral em resposta a um esforço maior de introspecção, o que significaria que essa capacidade pode ser treinada?

> O cérebro humano é uma gambiarra evolutiva que frequentemente dá pau, diz psicólogo. (dezembro de 2008)

Comentários

  1. Muito interessante, o cérebro é mesmo uma caixinha de surpresas

    ResponderExcluir
  2. esse estudo foi muito confortante pensei que nois introspectivos fossemos apenas maluco

    ResponderExcluir
  3. É, REALMENTE EU PENSEI NO QUE ESTAVA ESCRITO QUE, QUANDO EU LI QUE O INTROSPECTIVO PENSA NO QUE PENSA PERCEBI QUE EU PENSO NO QUE PENSO MAIS DO QUE PENSO NO QUE PENSO, POIS EU PENSO NO QUE PENSO MAIS DO QUE EU ESPERAVA PENSAR NO PENSO. rs, OUTRA HABILIDADE INATA DOS INTROSPECTIVOS, É SABER UTILIZAR AS PALAVRAS COM MAIOR SABEDORIA QUE OS OUTROS QUE ACHAM QUE SÃO MELHORES E MAIS MARCANTES POR FALAR MAIS DO QUE A BOCA. PERCEBA QUANDO UM INTROSPECTIVO ABRE A BOCA PRA FALAR PRA VOCÊ VER O QUE É FALAR DE VERDADE... REFLITA, SE CONSEGUIR, É CLARO! EXTROVERTIDOS IMBECIS.

    ResponderExcluir
  4. MAIS UM PONTO DE VANTAGEM AOS INTROSPECTIVOS. VEJA A MATÉRIA PRODUZIDA PELA EXAME.COM SOBRE OS INTROSPECTIVOS http://exame.abril.com.br/carreira/noticias/descubra-como-a-introspeccao-pode-ser-poderosa

    ResponderExcluir
  5. ser introspectivo tem suas vantagens, mas as desvantagens também são grandes.De que adianta ser inteligente e ser infeliz? pensar tanto para ter vergonha de agir?
    Nossa pasagem nessa vida é rápida demais para viver pensando...sem aproveitar o maximo que se pode de tudo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe anônimo, acho que os introspectivos "aproveitam" a vida de um jeito diferente dos extrovertidos. Para eles, estar sozinhos pensando, viajando com a imaginação e projetando as coisas é até uma necessidade e fonte de prazer. Acho que os introspectivos na verdade não sofrem por serem assim; acho que eles sofrem mais por as pessoas à volta não compreenderem e ficarem cobrando um comportamento diferente deles.

      Excluir
    2. Nossa, vc descreveu perfeitamente o que me acontece desde adolescência...percebi que meu jeito causa alguma espécie de desconforto mas pessoas, principalmente as mais próximas. Ontem minha mãe veio me falar:"sei do quarto, Vai ficar la com as pessoas um psicótica do encarnada nesse quarto...(estava rolando uma "festinha" regada a carro de som na minha porta mega alto, cerveja e funk medonho), nada contra o funk especificamente, mas não vi minha mae falar pra minha irmã o contrario:"vai la pro seu quarto, ver um documentário,ler algum livro,fica so aí na rua...

      Excluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpe-me,por favor ,acordei a pouco tempo,segue comentário abaixo.

      Excluir
  7. Ser introspectivo,interessante para o ser.Num debate com um grupo grande de pessoas opostas a você,tente se posicionar,ter voz ativa,mesmo sendo minoria. Você introspectivo que está lendo,tente viver isso, parece assustador, mas você consegue se sair bem . Força, Fé .Coragem, tudo é possível quando se almeja ajudar o próximo e se conhecer cada vez melhor, tornando o mundo melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc fala demais

      Excluir
    2. Anonimo abusado, me conhece,PORQUE NÃO SE IDENTIFICA, TEM RAIVA DO MUNDO OU DE VOCÊ.

      Excluir
  8. A mente é maravilhosa. um belo sistema. somos como uma maquina só que orgânica, nossa cérebro trabalha em funções de tantas coisas. E só precisa ser entendido, e estudado introspectivamente todos os dias! não esquecendo também, e principalmente o extrafísico. boa sorte

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Artigos de Luiz Felipe Pondé

Marketing social é coisa de gente mentirosa e egoísta.
Título original: Marketing social (3 de setembro de 2012)

Quem acha 'todo outro lindo' deveria defender apedrejadores.
Título original: Sensibilidade cultural (13 de agosto de 2012)

Ser humano só revela o que tem de melhor quando é esmagado.
Título original: "Bonequinha de Luxo" (6 de agosto de 2012)

Todo mundo quer ser 'legal' e ninguém quer ser pecador.
Título original: Ideologia de privada (30 de julho de 2012)

Espiritualidade trágica dos gregos é a melhor.
Título original: Nêmesis (23 de julho de 2012)

Mercado do apocalipse verde tem tudo do fanatismo
Título original: O infiel (16 de julho de 2012)

Todo mundo que crer salvar o mundo é autoritário
Título original: Demagogia verde dos salvadores (15 de junho de 2012)

Inferno não são os outros, mas o 'marketing do eu', diz Pondé
Título original: Meu inferno mais íntimo (4 de junho de 2012)

Só mentirosos negam que sejamos responsáveis por nossas escol…

O que muda na língua portuguesa com a reforma ortográfica

A reforma ortográfica só será obrigatória a partir de 2012, mas as novas regras já podem começar a ser aplicadas a partir de 2009. O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa uniformiza o português do Brasil, Portugal, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe. Veja o que muda neste texto do professor Sérgio Nogueira. 



> Regras especiais


1ª) Regra dos hiatos (abolida pela reforma ortográfica):
Como era?
Todas as palavras terminadas em “oo(s)” e as formas verbais terminadas em “-eem” recebiam acento circunflexo: vôo, vôos, enjôo, enjôos, abençôo, perdôo; crêem, dêem, lêem, vêem, relêem, prevêem.

Como fica?
Sem acento: voo, voos, enjoo, enjoos, abençoo, perdoo; creem, deem, leem, veem, releem, preveem.


Que não muda?
a) Eles têm e eles vêm (terceira pessoa do plural do presente do indicativo dos verbos TER e VIR);

b) Ele contém, detém, provém, intervém (terceira pessoa do singular do presente do indicativo dos verbos derivados de TER e VIR: conter, deter, manter, obter, provir, intervir, convir);���…

Europa tem 75 mil prostitutas do Brasil

Em ruas de prostituição de Genebra, na Suíça, português é língua corrente. Nos classificados de jornais europeus, apresentar-se como “brasileira” costuma render mais clientes e programas mais caros. Não por acaso estrangeiras fingem ser do País para competir pela atenção dos homens.


do Estado de S.Paulo

Estimativas da Organização Internacional de Migrações (IOM), agência ligada à ONU, apontam quase 75 mil prostitutas brasileiras trabalhando hoje na Europa. E esse número só cresce. “Espanha, Holanda, Suíça, Alemanha, Itália e Áustria são os principais destinos”, diz a entidade. E o total de mulheres que deixam o Brasil é bem superior ao de homens. Na Itália, dos 19 mil brasileiros vivendo legalmente no País em 2000, 14 mil eram mulheres. O número elevado de prostitutas contribui para a diferença.

Dados do governo espanhol apontam existência de 1,8 mil prostitutas brasileiras no país e 32 rotas de tráfico de mulheres. Muitas usam Portugal como porta de entrada e praticamente todas chegam…