Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 15, 2009

‘História julgará papa como responsável pela propagação da Aids na África’.

do site Religión Digital em 20 de março de 2009


Hans Küng é um dos teólogos mais influentes do mundo. Tanto na sociedade civil como na Igreja, a palavra de Hans Küng nunca deixa ninguém indiferente. Talvez porque, como ele mesmo disse, seu lema seja “ser livre para buscar a verdade”.

No segundo volume de suas Memórias, Verdad Controvertida (Trotta), repassa a sua vida que se entrecruza, aproxima e distancia de outro grande protagonista da história da Igreja, o papa Ratzinger (foto). Ontem amigo, hoje adversário, de quem diverge em quase tudo e de quem diz que “fracassou”. Mais ainda, garante que “a História julgará João Paulo II e Bento XVI como dois dos maiores responsáveis pela propagação da Aids”.

Professor, qual é a sua opinião sobre a polêmica suscitada pelo papa Ratzinger ao condenar o preservativo como meio para combater a Aids na África?

A postura do papa Ratzinger é consequência da Encíclica Humanae Vitae de Paulo VI. Uma Encíclica que excluiu todos os tipos de anticoncepciona…

Um choque heterodoxo contra o Parkinson

Neurocientista brasileiro mostra que estímulo elétrico na medula espinhal pode minorar os sintomas da doença; trabalho é capa da revista ScienceDo site Pesquisa FAPESP Uma forma semi-invasiva, eficaz e inesperada de tratar o principal sintoma da doença de Parkinson pode ter sido descoberta pela equipe do neurocientista brasileiro Miguel Nicolelis (foto), da Universidade Duke (EUA) e fundador do Instituto Internacional de Neurociências de Natal Edmond e Lily Safra (IINN-ELS).Por meio de pequenos eletrodos instalados num ponto da medula espinhal de ratos e camundongos que apresentavam distúrbios de movimento análogos aos enfrentados pelas pessoas com a doença, os cientistas estimularam eletricamente a coluna dorsal dos animais e, dessa forma, restituíram-lhes a capacidade normal de locomoção. "Os roedores responderam à estimulação elétrica de forma quase instantânea", diz Nicolelis, em entrevista a Pesquisa FAPESP Online. "O procedimento cirúrgico dura apenas 20 minutos e…